TeAmo

Teamo
Só sei ser eu quando há algo como sua presença paralela ao meu existir
Teamo, não sei separar vocêamor de vocêamor
Me permita segurar sua mão por 0,1 segundos
Me abraça bem forte
Como se o mundo estivesse caindo e houvesse o risco de eu ir junto com ele
Não os deixe nos separarem
Não podem
Somos unidos, você e eu, pelo destino, pelo vocêamor
Como eu quero…
Como pode não ser?
Tem que acontecer!
Me beija, com a força do seu coração
Me beija
Pra eu me tornar um ser vivo, deixando de ser a pedra na qual todos tropeça
Vem cá
Fica perto
Posso te fazer feliz.
Afirmo
Somos almas gêmeas, um termo clichê, mas nós não
És tão lindo
Nós somos tão perfeitos juntos
Nosso passado é tão perfeito juntos
Nossas possibilidades são lindas juntos
Eu te amo, vocêamor Continuar lendo
Anúncios

Eu te Amo

Estou aqui perto da felicidade

Meus ossos queimam-rangem
Antecipação incendiária
Ansiedade inflamatória crônica
A mente puxa os sonhos da memória
O medo domina
Felicidade também dói
No caso, quase-felicidade
Eu te amo
Preciso dizer
Eu te amo
Repito o escrever
O refrão tem que terminar com
Eu te amo
Esperei você aparecer e vir
E sabia e você veio
E eu não esperava
Que ter o que quero fosse me moer
Estou cansado de conjugar morrer
Quero agora ser o poeta do amor
Eu creio em ser só uma questão de tempo
Porque eu te amo, Marcos
Não consigo parar de escrever
Desaguando de mim como água
A sinceridade não pode ser contida
Nem o meu amor
Esperei tanto por poder te dizer
Agora a oportunidade que não vem é infernal
Não menos que infernal
Eu te amo
Queria poder dizer isso melhor
Posso te mostrar
E posso escrever
Mas meu melhor não descreve
Se você não me amar
Eu estarei perdido no sol
Jogado na incandescência do meu amor
Esperança
Se acabar será meu fim
E eu desistirei de tudo
E me atirarei na desgraça
E desistirei do meu corpo, minha arte, meu bem-estar… de mim
Desculpe jogar isso assim desse jeito
Mas não tenho escapatória
Preso na armadilha do amor
Eu te amo!
E sim, eu acho que é recíproco
Talvez simplesmente por esperar ser
Gerúndio dolorido da ignorância
Te encontro de novo
Destino
Sonho? Ilusão?
Não há escapatória
Meu coração é algodão doce
Fico suspirando como pneu furando
Lânguido como corda
Coração acelerado como um beija-flor biônico
Eu te amo
Nada mais a dizer
Nada mais que eu possa, queira ou saiba dizer
Te espero
Felicidade vindoura
Preparado
Te amo
E mais ninguém
Não creio em amores múltiplos
Se eu te amo
Você deve me amar
Porque eu, ah, eu… Eu te amo? Sim, eu te amo!